The Daily Puppy

quinta-feira

São Francisco de Assis



Hoje é a grande festa de São Francisco de Assis. Meu santo de devoção.

Giovanni di Pietro di Bernardone, mais conhecido como São Francisco de Assis.
Nascido em 5 de julho de 1182, italiano de Assis, viveu 44 anos e morreu em 3 de outubro de 1226, também em Assis. Canonizado em 16 de julho de 1228, em Assis pelo Papa Gregório IX.

Esta era a casa que São Francisco viveu.

Este era o habito original de São Francisco, era todo remendado. 

Foi um frade católico. Depois de uma juventude irrequieta e mundana, voltou para a vida religiosa de completa pobreza, fundando a "Ordem mendicante dos Frades Menores" mais conhecidos como "Franciscanos" que renovaram o Catolicismo de seu tempo.
Com o hábito da pregação itinerante, quando os religiosos de seu tempo costumavam fixar-se em mosteiros, e com sua crença de que o Evangelho devia ser seguido à risca. imitando-se a vida de Cristo, desenvolveu uma profunda identificação com os problemas de seus semelhantes e com a humanidade do próprio Cristo. Sua atitude foi original também quando afirmou a bondade e a maravilha da criação num tempo em que o mundo era visto como essencialmente mau, quando se dedicou aos mais pobres dos pobres, e quando amou todas as criaturas chamandos-as de irmãos.
Alguns estudiosos afirmam que sua visão positiva da natureza e do homem, que impregnou a imaginação de toda sociedade de sua época, foi uma das forças primeiras que levaram à formação da "filosofia da Renascença".

"Senhor,
Fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor;
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;
Onde houver discórdia que eu leve a união
Onde houver dúvida, que eu leve a fé;
Onde houver erro, que eu leve a verdade;
Onde houver desespero, que eu leve a esperança;
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;
Onde houver trevas, eu leve a luz.

Ó Mestre, Fazei que eu procure mais
Consolar, que ser consolado;
Compreender, que ser compreendido;
Amar, que ser amado.
Pois é dando que se recebe,
é perdoando que se é perdoado,
e é morrendo que se vive para a vida eterna."
Amém.

De qualquer forma, sua posição como um dos grandes santos da Cristandade se firmou enquanto ele ainda era vivo, e permanece inabalada. Foi canonizado pela Igreja Católica menos de dois anos após falecer, em 1228, e por seu apreço à natureza é mundialmente conhecido como o santo patrono dos animais e do meio ambiente.

À tarde, levarei meus peludinhos e penudos para a benção dos animais na paróquia que frequento. Vai ter uma grande festa na noite de hoje com um bolo de quase 50 metros. Mas, por conta da minha dieta, vou maneirar na comilança. rs
(Eliminei mais 700 gramas)

Beijos mil.

Fonte: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário