The Daily Puppy

quinta-feira

Acumuladores

O exercício do desapego é importantíssimo em nosso cotidiano. A acumulação de objetos, além de entupir os espaços que seriam melhor aproveitados, entopem a nossa alma. Atrapalham o fluxo da energia boa, obstrui a luz do sol, incomoda o olhar.
Disciplina, força de vontade, atitude, busca por ajuda, isso colabora e muito no desapego.
Eu estou comentando sobre esse assunto hoje porque gosto de observar as casas onde vou e sempre vejo coisas que não serão usadas mais e ainda estão alí. Roupas rasgadas que não são descartadas, objetos quebrados, trincados que deveriam estar no lixo e o pior é que as vezes vejo isso em minha própria casa.
Sempre tento não guardar coisas inúteis, que não significa nada ou que só tem o tal "valor emocional".
Todos nós podemos ter coleções, mas isso não quer dizer amontoar coisas que não fazem sentido, que não significa realmente nada.

Eu assisto sempre o programa "Cada coisa em seu lugar"  do Discovery Home & Health e a maioria são acumuladores.
Percebo que não é apenas vontade de ter o objeto por perto, a coisa é mais complicada. Tem pessoas que choram por estar jogando uma lata de leite em pó velha e enferrujada  no  lixo. É um trabalho mais psicológico que de ação. A pessoa deve perceber o mal que ela faz com ela mesma e não é só isso, a família sofre junto porque se afasta.
Algumas pessoas tem o sentido de privação, talves isso seja um dos fatores que desencadeiam o ato de acumular coisas.
Bom... esse assunto tá muito profundo e eu não quero me prolongar mas...  vamos pensar se não estamos sendo acumuladores de coisas, de futilidades, de raiva, de intrigas, birrinhas, intolerância, etc...
Ótimo meio de semana a todos.
Beijos, beijos.

Um comentário:

  1. Marluce,
    Realmente este é um problema muito sério, mas acho que todos nós temos ainda um pouco de acumulador. Espero um dia conseguir ser menos apegada as coisas.
    Bjs e tenha um domingo maravilhoso,

    ResponderExcluir